Santo Antônio pode voltar a ter Zona Azul ainda em 2019

Projeto foi aprovado em primeira votação pela câmara de vereadores; prefeitura pretende implantar estacionamento rotativo antes do fim do ano

Desativada em 2013, Zona Azul deve voltar a funcionar ainda este ano em Santo Antônio da Platina CRÉDITO: Antônio de Picolli

O trânsito no centro de Santo Antônio da Platina pode ter a volta do estacionamento rotativo, popular Zona Azul, ainda em 2019. O projeto que autoriza o município a reimplantar o sistema foi aprovado em primeira votação na câmara de vereadores na sessão ordinária de segunda-feira (21) e deve ser aprovado com redação final no prazo máximo de 15 dias.

Segundo o diretor municipal de Trânsito, Bruno Chagas, a prefeitura trabalha para colocar a Zona Azul em prática neste ano. “Nosso objetivo é implantar a Zona Azul em 2019. Pode ser que o processo atrase por algum motivo, mas trabalhamos para que ainda este ano tudo esteja funcionando”.

Ainda de acordo com o diretor de Trânsito, a reativação do estacionamento rotativo acontece após mais de dois anos de atuação do departamento para integrar o município ao Sistema Nacional de Trânsito e viabilizar a Zona Azul do ponto de vista legal. “É um processo que estamos trabalhando desde março de 2017. Somos o 43º ou o 44º município entre os 399 do Paraná a ter a integração do trânsito, o que nos possibilita ter a Zona Azul totalmente amparada pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito)”, pontua.

Ainda não estão definidas quais ruas serão abrangidas pelo estacionamento rotativo, mas a intenção da prefeitura é que todo o centro da cidade seja regulamentado desta forma. Após a aprovação final da câmara o município irá abrir licitação visando a contratação de uma empresa especializada para gerir a Zona Azul.

MOTOS

Em praticamente todos os municípios que adotam esta forma de estacionamento existe a discussão em torno das vagas para motocicletas. O vereador Genivaldo Marques (PSDB), inclusive, afirmou à reportagem que pretende incluir uma emenda no projeto que isente a cobrança do estacionamento para motos, desde que estejam estacionadas nos locais previamente definidos. “Hoje a Zona Azul é uma necessidade, um pedido especialmente do comércio. Mas vamos procurar o que for melhor para a população, e nossa ideia é discutir junto ao departamento de Trânsito a inclusão de uma emenda que permita a proprietários de motocicletas estacionarem próximo às esquinas e sem tarifas”.

Entretanto, segundo Bruno Chagas, a Zona Azul já prevê a isenção a motocicletas. “No nosso projeto está previsto que motos não paguem estacionamento. Mas claro que se o vereador Genivaldo quiser debater algum detalhe ou alguma necessidade que ele tenha enxergado estamos à disposição para dialogar”, conclui.

HISTÓRICO

Vale lembrar que Santo Antônio da Platina já teve a implantação do estacionamento rotativo no passado, porém, sem o trânsito municipalizado o processo enfrentou uma série de questionamentos e a Zona Azul acabou desativada.